andas á procura?

Búsqueda personalizada

sexta-feira, março 06, 2009

A crise irredutible

Tal e como están a acontecer as cousas, a crise resulta verdadeiramente irredutible. Con este título, A crise irredutible, veño de rematar de darlle as últimas voltas a un novo libro de poemas. Libro do que adianto este texto:

pertenzo ás fronteiras do medo
á crise eterna
irredutible


pertenzo e pertencemos
nós
a un país sen estela propia
cincento
e inseguro
aplacado polo desexo asumido
de ser como a xente

Nenhum comentário:

Arquivo do blog